Vencedores do II Prêmio Toledo BiodiverCIDADE: Gestão Ambiental de Espaços Públicos são revelados

Na noite desta quarta-feira (9), o Coletivo Educador por meio das Secretarias Municipais da Educação e de Desenvolvimento Ambiental e Saneamento de Toledo, por intermédio da Universidade Estadual do Oeste do Paraná (Unioeste), Itaipu Binacional e Conselho dos Municípios Lindeiros ao Lago de Itaipu, revelaram no auditório da Unioeste durante solenidade os vencedores do II Prêmio Toledo Biodver Cidade: gestão ambiental de espaços públicos.

O prêmio possui como objetivo destacar as atividades relacionadas ao Plano Municipal de Ações e Estratégias para a Biodiversidade, com intuito de estimular, fomentar e reconhecer as melhores experiências locais que promovam a conservação da biodiversidade em Toledo. Participaram Instituições Públicas Municipais e escolas estaduais que adotaram boas práticas de gestão ambiental.

Participaram do evento os coordenadores cursos, diretores, alunos, professores, servidores públicos municipai, participantes do III Congresso Brasileiro de Ciências e Tecnologias Ambientais, dentre outras autoridades.

Na ocasião, o Prefeito Lucio de Marchi, enalteceu os trabalhos dos educadores ambientais e dos participantes do evento. “Reconhecemos e parabenizamos a estas instituições que no meio de tantos afazeres e compromissos  não se esqueceram do cuidado com a natureza. Que o exemplo desses servidores comprometidos, possa ser multiplicado, e copiado por muitos outros, se tornando uma obrigação assumida”.

Prêmio

As atividades foram divididas em quatro categorias e contemplou a elaboração de um ranqueamento para as avaliações de boas práticas. As modalidades foram: Qualidade de vida no ambiente de trabalho; Sensibilização dos servidores para a sustentabilidade; Uso dos recursos naturais e consumo sustentável e Gestão de resíduos sólidos.

Puderam participar Centros Municipais de Educação Infantil, Escolas Municipais Fundamental I, Escola/Colégio Estadual de Ensino Fundamental II, Ensino Médio e Ensino Técnico, e Instituição Pública Municipal.

Para concorrer ao prêmio, foi necessário a criação de uma Comissão Institucional, com servidores na área administrativa, serviços gerais, função técnica ou pedagógica, que tiveram como objetivo tornar a instituição mais sustentável e promover ações conjuntas.

“A biodiversidade é considerada como um dos principais indicadores de qualidade do ambiente e contribui significativamente para a qualidade de vida das pessoas. Água de qualidade, contemplar a natureza, produzir bons alimentos são frutos do cuidado com nossa biodiversidade. Desta forma, projetos e ações  voltados à implantação de práticas que promovam sua conservação devem ser priorizados. Idealizamos junto ao coletivo educador a proposta deste prêmio, já em sua segunda edição devido a sua potencialidade de replicabilidade e de atingir um grande público, servidores públicos municipais e os usuários deste sistema, que são grande parte da população de Toledo.”, informou a bióloga da Secretaria de Meio Ambiente, Lílian Cardoso.

Vencedores

As primeiras colocadas dentro de cada categoria receberam um notebook intel core i5 no valor de mais de R$ 3 mil cada.

Na categoria Centro Municipal de Educação Infantil (CMEI), a colocação ficou, primeiro lugar o CMEI Crescer e Aprender, seguidos do CMEI Katiúscia e CMEI Nona Gema. Na categoria Escola Municipal, a Escola Municipal Olivo Beal conquistou a primeira colocação, seguidos da Escola Municipal Duque de Caxias e Escola Municipal de São Luiz do Oeste.

Já na categoria Escola Estadual, o primeiro lugar foi para o Colégio Agrícola Estadual de Toledo, seguidos do Colégio Campo Dez de Maio e Jardim Gisele. Por fim, um dos mais esperados, foi a premiação da categoria Instituição Pública Municipal, onde a grande agraciada foi a Casa da Cultura, seguidos do Centro de Revitalização da Terceira Idade Dr Wilson Carlos Khun e Centro da Juventude Márcio Bombardelli.

“Estamos contentes por conquistar pela segunda vez este prêmio. Este prêmio representa uma importante ação que valoriza o trabalhos dos profissionais que garantem a qualidade da educação ambiental em nosso município. Nos sentimos agraciados e iremos participar sempre destas ações”, destacou a representante da Escola Municipal Olivo Beal, Sandra Inês R. Kopeginski.

Solenidade

Participaram da cerimônia o Prefeito Lucio de Marchi, representando a Itaipu Binacional e o Conselho dos Municípios Lindeiros ao Lago de Itaipu, a Consultora de Educação Ambiental do Convênio Linha Ecológica da Itaipu e Lindeiros – Normal Hofstaetter Barro, Presidente do Conselho Municipal do Meio Ambiente, Robert Gordon Hickson, Presidente da Comissão Organizadora do III Congresso Brasileiro de Ciências e Tecnologias Ambientais, Professor e Doutor, Nyamien Yahaut Sebastien, Diretora do Desenvolvimento Ambiental e Saneamento, Sheila Tainara, representando a Secretaria Municipal de Educação, a professora Elissiane Zen do Amaral, o coordenador do Programa de Pós-graduação em Ciências Ambientais da Unioeste, Professor e Doutor, Maurício Ferreira da Rosa, e representando o Coletivo Educador Municipal, a Professora Marilene Galdino Camillo.

“É importante e necessário que ações como essas continuem sendo desenvolvidas no município”, salientou o Presidente do Conselho Municipal do Meio Ambiente, Robert Gordon Hickson.

Durante a solenidade o Presidente da Comissão Organizadora do III Congresso Brasileiro de Ciências e Tecnologias Ambientais, Professor e Doutor, Nyamien Yahaut Sebastien, abriu as apresentações e encerrou as atividades.

Parcerias

Ficou registrado como forma de parceria o Programa Florir Toledo, que contribuiu com a doação de mudas entregues ao participantes do prêmio. Aos Educadores Ambientais do Coletivo educador Municipal que fizeram parte da Comissão Avaliadora. Ao Programa de Pós-graduação em Ciências Ambientais, dentre outras personalidades do meio.

Fotos: Michael Juliano.

 

Facebook Comments