Mini-hospital completa dois anos de reabertura oferecendo mais saúde em Toledo

Na quarta-feira (10) o Mini-Hospital – Pronto Atendimento Municipal (PAM) Doutor Jorge Milton Nunes completa dois anos desde que foi reaberto para a comunidade a unidade já soma mais de 88 mil atendimentos. O local foi reaberto em 2017 com 100 dias da atual gestão, depois de 24 anos de funcionamento e ficar fechado por aproximadamente dois anos e meio. Esse foi o primeiro passo de um conjunto de avanços já realizados na área da saúde, e outros que ainda virão.

O fechamento do Mini-Hospital em 2014 gerou descontentamento da população, principalmente da Vila Pioneiro e entornos, que tinham que se deslocar até a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) para receber atendimento de emergência. Por meio do convênio com a Associação de Pessoas com Lesão Por Esforço Repetitivo (Apler) foi reberto. “Agora, além de voltar a beneficiar esses moradores, o Mini-Hospital ajuda a reduzir o fluxo de atendimentos na UPA, que por sua vez resulta em menos tempo de espera”, relata o prefeito Lucio de Marchi.

Lucio complementa que desde o início, a saúde tem sido uma das grandes prioridades da atual gestão, que não mediu esforços para tornar possível a reabertura desse espaço público. “Foram necessários investimentos para reforma das estruturas físicas e readequação dos equipamentos e mobiliário do Mini-Hospital. Tudo para atender as exigências da Vigilância Sanitária e oferecer atendimento digno para os cidadãos”, completa.

Para a secretária de saúde, Denise Liel, a reabertura foi um passo importante na área da saúde. “O Mini Hospital faz parte da história do município, sabemos que os serviços municipais devem voltar-se à serviços de atenção básica, atenção especializada, saúde mental, vigilância em saúde  e urgência e emergência. Parabéns a todos desta equipe que, em conjunto com a upa atendem à Rede de Urgência e Emergência”, comenta.

 

ESTRUTURA

O Mini-Hospital Dr Jorge Milton Nunes presta atendimentos de Urgência e Emergência para pacientes com idade a partir de 13 anos. Dependendo do tipo e gravidade de cada caso, o paciente pode ser encaminhado para um hospital. A unidade compõe de equipes de médicos, enfermeiros, técnicos de enfermagem, radiologia e administrativos disponíveis 24 horas por dia para atendimento. Possui também médico Ortopedista duas vezes por semana e Assistente Social. É importante salientar que pacientes de até 12 anos de idade deve ser atendidos na UPA da Vila Becker.

A estrutura física conta com quatro consultórios médicos, sala de emergência com quatro leitos e equipamento para atendimento de urgência e emergência, 24 leitos para pacientes ficarem em  observação por 24 ou até 48 horas, serviço de Radiologia, serviço de pequenos procedimentos cirúrgicos, Farmácia Hospitalar 24h, Sala de injetáveis, Sala de nebulização.

“Hoje a unidade de pronto atendimento MINI HOSPITAL tem sido referência na área da saúde para pacientes da região da Vila Pioneiro e entornos,   pois a demanda de atendimentos aumentou aproximadamente, cinquenta por cento no comparativo do período em que só havia a UPA para atendimentos aos casos de urgências e emergências, pois a população tem buscado todos os tipos de atendimentos e a equipe do Mini Hospital está como suporte para tal. vejo que  o atendimento desta unidade de pronto atendimento, desde a abertura tem conseguido muitos ganhos como agilidade e um atendimento mais humanizado”, diretora do departamento da rede de emergência e urgência Edna Dallabrida.

 

Complexo de Saúde

O Mini-Hospital faz parte de um conjunto de unidades que formam o Complexo de Saúde da Vila Pioneiro. O Complexo inclui a nova Central de Especialidades Radialista Osvaldo Luiz Ricci, inaugurada em outubro de 2018, a Farmácia Comunitária, além da Central de Fisioterapia, Reabilitação e Terapias Complementares, que está em construção.

 

DADOS

O primeiro ano de funcionamento, de abril/2017 a abril /2018 o MINI atendeu 42.006 consultas. Média mensal 3.500 consultas ;

No segundo ano de funcionamento, de abril/2018 a abril /2019 a unidade atendeu 46.284 consultas. Média mês 3.857 consultas;

Atendimentos/emergência, média 3.800 /mês.

 

Fonte: Assessoria.

Facebook Comments