Bryan Cranston quer viver um clássico vilão da Marvel

Os filmes de super-heróis têm ganhado cada vez mais respeito dentro da indústria cinematográfica. Se, por um lado, precisam evoluir mais em como usam a linguagem narrativa das produções, de outro, a bilheteria tem ajudado a atrair mais atenção. O ponto culminante permite não só mais adaptações como atrai os grandes nomes para os projetos. Por exemplo, a quem um dia imaginaria que Anthony Hopkins viveria Odin em Thor? Ou que Sally Field entraria para o elenco de O Espetacular Homem-Aranha? Ou mesmo que Cate Blanchett viveria a deusa da morte asgardiana?

Com Vingadores 4, Marvel vai fechar a sua Fase 4 e, de acordo com Kevin Feige, podemos esperar muitas mudanças pela frente. Uma delas é a chegada do os X-Men no universo compartilhado. Com a compra da 21st Century Fox por Walt Disney, os mutantes, em fim, já têm data para voltar para casa. No entanto, o mais provável é que eles sejam introduzidos apenas no final da próxima fase. De qualquer forma, o todo poderoso Feige e sua equipe criativa já mover os pauzinhos para a melhor solução de como encaixar os personagens em o futuro do estudo. Enquanto alguns fãs já formam o time dos sonhos, o vindouro projeto começou a chamar a atenção de grandes nomes do meio. Neste caso, Bryan Cranston.

Cozinheiro Sinistro

imagem20-10-2018-05-10-32

Há pouco tempo, Bryan Cranston deu uma entrevista ao Screen Geek e mostrou interesse em viver Nathan Essex, o Senhor Sinistro, nos cinemas. “Eu quero interpretar um antagonista ao menos uma fração mais inteligente do que o protagonista. Não deixar Nunca o herói ganhar fácil. Isso é frustrante e chato de ver”, comentou.

Ao longo da conversa, veio a sugestão de que viver com o Senhor Sinistro, a qual ele demonstrou interesse por conhecer um pouco do personagem. “Eu vou admitir, Senhor Sinistro foi o personagem que eu estava pensando”, revelou. Em seguida, o ator ainda justificou sua escolha. “Eu acho que é um ponto de vista egoísta. Eu não quero fazer um personagem que já foi representado em várias ocasiões. Eu não quero ser comparado do tipo “o Comissário Gordon era bla bla bla”. Eu não quero isso. Eu quero fazer algo não provado”, disse.

Ou seja, para os fãs que queriam vê-lo como Professor Xavier, a resposta pode vir com um balde de água fria. Ainda assim, melhor ter Bryan Cranston em algum papel inédito, que não pode, de nenhum modo.

Facebook Comments